Novartis e EMERGE abrem programa para encontrar tecnologias que promovem a melhoria dos transplantes de órgãos no Brasil

O programa de inovação aberta da Novartis, desenvolvido pela consultoria EMERGE, é direcionado especialmente para aqueles cientistas que querem levar sua pesquisa ou tecnologia da bancada do laboratório até o mercado, apresentando soluções efetivas para problemas relacionados a transplantes de órgãos no Brasil.

O Brasil possui o segundo maior número de transplante de órgãos do mundo, transplantando mais de 24 mil órgãos em 2019 segundo dados a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos. Por isso, solucionar os diversos desafios desse sistema impacta diretamente na vida de milhares de pessoas.

Após um estudo das principais questões do tema, foram definidos quatro grandes grupos para a busca de projetos pelo programa. Dois estão relacionados às etapas de pré-transplante, voltados para manutenção da qualidade do órgão no processo logístico e preparação do paciente e órgão para o transplante. Os outros dois grupos abordam etapas de pós-transplante, contemplando acompanhamento e monitoramento do paciente transplantado e aumento da sobrevida do enxerto e da qualidade de vida do paciente.

A inscrição no programa é gratuita e tecnologias em diferentes fases de aplicabilidade podem ser inscritas. Além disso, haverá o direcionamentos específicos como estratégias para desenvolvimento das propostas e de propriedade intelectual.

Para participar do programa ou obter mais informações o edital do programa está disponível em https://emergebrasil.in/novartis/

OUTRAS

PUBLICAÇÕES

Luz, neurônio, dor

Uma reflexão sobre o Nobel em termos de invenções versus descobertas e a ciência empreendedora do físico brasileiro Marcelo de Sousa.       ...
SAIBA MAIS
© 2020 Emerge. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por CriaTec